5 bares para curtir em Nova York

Saiba onde tomar um drinque para se refrescar no verão nova-iorquino

Camila Viegas-Lee, especial para o iG, de Nova York |

A chegada do verão em Nova York anuncia a abertura da temporada das grandes festas e dos happy hours mais animados. Selecionamos cinco bares imperdíveis para se tomar um drinque nas noites mais quentes de Manhattan.

Jimmy

Reprodução
O bar é famoso pela vista que vai do Empire State ao rio Hudson
Este bar no topo do hotel James, no Soho , é famoso pela vista que vai do Empire State ao rio Hudson . São 360 o da paisagem novaiorquina para desfrutar enquanto toma um drinque.

O local é um híbrido de pub com uma Nova York dos anos 70. O desenho dos tacos de madeira do chão é do tipo espinha de peixe, o balcão do bar é de madeira maciça com acabamento em couro e as paredes são forradas de azulejos e tapeçaria azul. No verão, as portas internas se abrem para a piscina.

Experimente coquetéis como o cítrico Sailor Jerry Salt Lick, feito com rum Sailor Jerry, licor St. Germain Elderflower, suco e casca de grapefruit e sal marinho (US$ 17/ R$ 27). Para quem gosta de algo mais docinho tem o Madame Bovary, feito com Courvoisier XO & Chambord misturados com suco de maracujá e champanhe (US$ 26/ R$ 41).

Serviço:
The James Hotel
15 Thompson Street – Nova York
Tel: 212-201-9118
De domingo a quarta-feira, das 17h à 1h; de quinta-feira a sábado, das 17h às 2h

Le Bain

Divulgação
Para entrar no Le Bain à noite, é preciso nome na lista
Esse lounge de 200 m 2 com piscina a céu aberto fica no 18o andar do hotel The Standard , no Meat Packing District. Ele foi idealizado por André Saraiva, um sueco de pais portugueses , que cresceu em Paris, e abriu clubes exclusivos como o Le Baron, em Paris e em Tóquio. (Aliás, anote na agenda, ele deve inaugurar um Le Baron em Nova York, em setembro).

O bar do Le Bain abre ao meio dia e, geralmente, não há problema para entrar neste horário. Mas se você quiser tomar um drinque à noite, certifique-se de que seu nome está na lista, vista-se bem e convide um par de amigas bonitas.

A decoração mantém o tema da piscina e inclui espreguiçadeiras, poltronas de água e binóculos fixos para ver a Estátua da Liberdade. Os drinques são fortes, mas sempre dá para esperar o gelo derreter um pouco. Experimente o Paris Spritz, feito com Aperol, St. Germain, top soda e champanhe (US$ 13/ R$ 20) ou o Rasperry Collins, gin, limão da Prússia, simple syrup, amoras, top soda (US$ 13/ R$ 20).

Serviço:
The Standard Hotel
848 Washington Street com a W. 13th Street, 18o andar – Nova York
Tel: 212-645-4646
De segunda a quarta-feira, meio-dia a meia-noite; de quinta-feira a sábado, meio-dia às 22h; domingo, meio-dia às 17h.

Mulberry Project

Divulgação
O Mulberry Project ganhou fama por seus drinques inovadores
Em maio foi aberto o pátio e o jardim deste que é um dos bares preferidos de quem aprecia novidade e um bom drinque. O ambiente é hipster chic. Nos muros do jardim há obras inspiradas em grafites dos anos 80, feitas por Curtis Kulig (conhecido por LoveMe), Ian Kid Zoom e Ron English.

A ideia, segundo um dos sócios, Ian Parms, é criar um playground para adultos, “exuberante, vibrante e colorido”. Mas a grande atração são os drinques inovadores. Os mixologistas do bar fazem coquetéis na hora a gosto do freguês. Basta explicar o que se está com vontade: algo refrescante, cítrico, apimentado, docinho. Os ingredientes são frescos e as combinações incríveis. Experimente algo com pêssego, canela e rum ou pomelo sour. Os preços vão de US$ 14 (R$ 22) a US$ 18 (R$ 28).

Serviço:
Mulberry Project
149 Mulberry Street, entre a Grand e a Hester Streets – Nova York
Tel: 646-448-4536
Domingo a quarta-feira, das 18h às 2h; quinta-feira a sábado, das 18h às 4h.

1920 Bunker Club

Divulgação
No 1920 Bunker Club não há mesas reservadas ou um espaço fechado para VIPs
Novaiorquinos estão sempre a procura da “next best thing” e esta promete ser a discoteca do verão. Inspirada no “art bunker” do Glass House, de Philip Johnson, o salão foi projetado para incentivar a socialização – não há mesas reservadas ou um espaço fechado para VIPs. Apenas um longo balcão, banquetas e uma área de lounge confortável e íntima ao lado da pista.

Experimente o “signature drink” The Bunker, feito de Riazul Anjou Tequila , Curaçao de laranja e xarope de romã (US$ 18/ R$ 28). A entrada é gratuita, mas chegue cedo e bem vestido.

Serviço:
1920 Bunker Club
22 ½ 9th Avenue (entre as 13 e a Little W 12 Streets), Meat Packing District – Nova York
Tel: 212-837-4700
De terça a sábado, das 10h30 às 4h


55

Divulgação
O 55 tem um toque oriental a la Mil e Uma Noites, com lounge sexy
Se você estiver com vontade de um toque oriental a la Mil e Uma Noites, beba seus drinques acompanhados pelos tabacos aromatizados dos narguilés do 55. No primeiro andar há um belo restaurante com mesas confortáveis e espelhos em quantidade. No segundo, lounge sexy e chique onde se pode pedir um naguilé e uma série de tabacos aromatizados com maçã, morango, laranja entre outros (US$ 30/ R$ 47).

Experimente também coquetéis com especiarias orientais como o Sand Storm, feito de rum escuro com canela, mel queimado e maçã (US$ 11/ R$ 17) ou o Garden of Eden, com gim , pepino, St. Germain e soda (US$ 11/ R$ 17).

Serviço:
55
Tel: 212-957-1899
47 W 55th Street entre Quinta avenida e a Avenida das Américas
De segunda a sexta-feira, das 14h às 2h; sábados, das 17h às 2h

    Leia tudo sobre: Happy hournova yorkbardrinquedrinkstandard hotel

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG