Os 10 carros superesportivos mais ecológicos do mercado

Por Rafael Freire , especial para o iG

compartilhe

Tamanho do texto

Eles têm motores elétricos ou híbridos, mas isso não os impede de acelerar de zero a 100 km/h em cerca de três segundos, poluindo muito menos

Conheça abaixo detalhes da nova geração de supermáquinas que combinam potência e redução de poluentes com primazia: 

O La Ferrari é o primeiro modelo da marca italiana a adotar um sistema de recuperação de energia cinética inspirado na Fórmula 1. Foto: DivulgaçãoO superesportivo tem motor V12, com 800 cv de potência, além do propulsor elétrico que soma mais 163 cv. Foto: DivulgaçãoCom motor a combustão e propulsor elétrico, o Porsche 918 Spyder tem 718 cv de potência e acelera de zero a 100 km/h em 3,2 segundos . Foto: DivulgaçãoApenas 918 unidades do Porsche Spyder serão fabricadas. Cada uma será vendida a US$ 845 mil. Foto: DivulgaçãoO Tesla Roadster Sport é equipado com motor elétrico de 292 cv de potência e faz de zero a 110 km/h em 3,7 segundos. Foto: DivulgaçãoO grande diferencial do Tesla Roadster Sport  é um sistema que permite que suas baterias sejam completamente carregadas em apenas 3h30. Foto: DivulgaçãoO McLaren P1 conta com dois motores: um biturbo 3.8 V8 e um elétrico, que proporcionam 918 cv de potência. Foto: DivulgaçãoO P1 já começou a receber pedidos de encomendas. Seu preço parte de US$ 1,15 milhão. Foto: DivulgaçãoCom propulsor 6.3 V8, o Mercedez SLS AMG Eletric acelera de zero a 100 km/h em quatro segundos . Foto: DivulgaçãoEspera-se que até 2015 o SLS elétrico esteja disponível para os consumidores. Foto: DivulgaçãoO Icona Vulcano possui duas combinações de sistema de propulsão que permite acelerar de zero a 100 km/h em três segundos . Foto: DivulgaçãoCom capacidade de atingir velocidade máxima de 349 km/h, o Icona Vulcano tem preço estimado em US$ 2,6 milhões. Foto: DivulgaçãoO Acura NSX é equipado com um propulsor V6 que gera 300 cv de potência e dois motores elétricos que somam mais 100 cv. Foto: DivulgaçãoO Acura NSX ainda não tem data para ser produzido, mas 25 pessoas já depositaram US$ 7,8 mil para garantir o seu. Foto: DivulgaçãoCom um motor elétrico e outro a combustão, o Evora 414E faz de zero a 100 km/h em 4 segundos. Foto: DivulgaçãoEm fase de testes, o Lotus Evora 414E ainda não tem data para chegar às concessionárias. Foto: DivulgaçãoO Fisker Atlantic tem motor BMW 2.0 turbo a gasolina que, associado ao motor elétrico, soma 300 cv de potência. Foto: DivulgaçãoA versão mais barata do Fisker Atlantic parte dos US$ 50 mil. Foto: DivulgaçãoO BMW i8 Concept combina um propulsor elétrico com motor à combustão que entrega 220 cv de potência. Foto: DivulgaçãoO conjunto proporciona ao BMW i8 Concept  potência de 354 cv, que o leva de zero a 100 km/h em cinco segundos . Foto: Divulgação

1- La Ferrari
Um dos maiores destaques do Salão de Genebra de 2013, o La Ferrari é o primeiro modelo da marca italiana a adotar o sistema Hy-Kers, um propulsor híbrido inspirado no Kers (sistema de recuperação de energia cinética), da Fórmula 1. O superesportivo tem motor V12, com 800 cv de potência, além do propulsor elétrico que soma mais 163 cv ao supercarro. Isso tudo proporciona uma velocidade máxima de 350 km/h e permite que ele acelere de zero a 100 km/h em menos de 3 segundos. A produção da La Ferrari será limitada a 499 unidades e segundo a marca, a maioria já foi vendida. Preço: US$ 3,3 milhões.

Leia também:
- Alugue um superesportivo nas férias

2- Porsche 918 Spyder
O Porsche 918 Spyder foi um dos primeiros projetos de superesportivo a combinar motor a combustão e propulsor elétrico. Quando esse dois sistemas trabalham juntos proporcionam ao modelo 718 cv de potência. Com isso, ele acelera de zero a 100 km/h em 3,2 segundos e chega à máxima de 325 km/h. Para fazer jus ao seu nome, apenas 918 unidades serão fabricadas. Um dos grandes diferenciais do 918 é o acabamento da carroceria e do interior feitos na cor verde para associar ao conceito híbrido. O modelo começará a ser vendido, nos Estados Unidos em setembro de 2013. Seu preço será de US$ 845 mil.

3- Tesla Roadster Sport
Quando lançou o Roadster Sport, em 2009, o grande objetivo da fabricante americana Tesla foi mostrar ao mundo que era possível criar um carro esportivo totalmente elétrico. Fabricado de 2009 a 2011, o modelo teve 2 mil unidades emplacadas e virou um ícone da indústria, mas deixou de ser produzido por falta de incentivos. O esportivo é equipado com motor de 292 cv de potência e faz de zero a 110 km/h em 3,7 segundos. A velocidade máxima que o Roadster Sport pode atingir é de 200 km/h. O grande diferencial do carro é o sistema “AC Propulsion Reductive Charging”, que permite que suas baterias sejam completamente carregadas em apenas 3h30.

Veja:
- Novo game de automobilismo vem com carro de corrida de verdade

4- McLaren P1
Um dos maiores troféus da McLaren atualmente, o P1 foi apresentado ao público no Salão do Automóvel de Genebra, na Suíça, de 2013. O superesportivo, que concorrerá com La Ferrari e Porsche 918, conta com dois motores: um biturbo 3.8 V8 e um elétrico. Essa combinação proporciona espetaculares 918 cv de potência, que permite percorrer de zero a 100 km/h em menos de três segundos e atingir velocidade máxima de 300 km/h. O P1 já começou a receber pedidos de encomendas. Seu preço parte de US$ 1,15 milhão.

Divulgação
A versão híbrida da Mercedez SLS AMG Eletric possui um propulsor 6.3 V8, que gera 533 cv de potência

5- Mercedez SLS AMG Eletric
Nascido para substituir o SLR McLaren, um dos carros mais desejados do mundo, o SLS foi totalmente inspirado no 300L, um clássico da marca na década de 50, que virou sensação pelas portas “asa-de-gaivota”. Não demorou para que o carro virasse um ícone de sua era. Agora, a maior expectativa está na produção de uma versão totalmente elétrica. Sua versão híbrida possui um propulsor 6.3 V8, que gera incríveis 533 cv de potência. Esse conjunto faz com que o SLS acelere de zero a 100 km/h em quatro segundos e chegue à velocidade máxima de 317 km/h. Os dados são referentes ao desempenho dos protótipos, mas espera-se que até 2015 o SLS elétrico esteja disponível para os consumidores.

Mais:
- Submarinos pessoais são nova mania entre bilionários

6- Icona Vulcano
Depois de divulgar alguns “teasers” do modelo, a fabricante italiana Icona levou o superesportivo Vulcano para ser exibido pela primeira vez no Salão de Xangai, na China. A máquina, que chama atenção pela robustez e agressividade da carroceria, possui duas combinações de sistema de propulsão. Um deles é chamado H-Turismo e é formado por um motor V12 de 801 cv de potência e o outro elétrico, de 162 cv. Com isso, o Vulcano acelera de zero a 100 km/h em três segundos e atinge velocidade máxima de 349 km/h. A outra opção é a versão H-Competizione, que conta com um propulsor V6 biturno de 557 cv de potência e mais dois motores elétricos de 162 cv cada. Nessa configuração o superesportivo faz de zero a 110 km/h em 2,9 segundos e mantém a velocidade máxima em 349 km/h. Seu preço estimado é de US$ 2,6 milhões.

7- Acura NSX
O protótipo do NSX foi apresentado pela primeira vez no Salão de Detroit de 2012 e ainda não tem data exata para entrar na linha de produção. Ainda assim, 25 pessoas já fizeram um depósito de US$ 7,8 mil para garantir a máquina na garagem logo que ele seja lançado. A grande curiosidade é que a Acura ainda não confirmou qual será o valor do carro, porém não encontrou alternativa para recusar os cheques de “sinal” dos mais ansiosos. Toda a expectativa não é para menos, já que o modelo é equipado com um propulsor V6 que gera 300 cv de potência e uma combinação de dois motores elétricos que somam mais 100 cv. Tudo isso permite que o carro faça de zero a 100 km/h em menos de cinco segundos.

Veja ainda:
- Cinco novos modelos de helicópteros para sonhar acordado

Divulgação
Com um motor elétrico e outro a combustão, o Evora 414E faz de zero a 100 km/h em 4 segundos

8- Lotus Evora 414E
O Evora 414E é uma mistura ecológica de beleza, potência e esportividade. Um de seus diferenciais é um sistema tecnológico que emite avisos sonoros aos pedestres quando há risco de colisão, além da combinação de um motor elétrico e outro a combustão que permite que o carro chegue de zero a 100 km/h em 4 segundos e atinja velocidade máxima de 209 km/h. Dono de uma autonomia de 480 km, o modelo ainda está em fase de testes e não tem data para chegar às concessionárias.

9- Fisker Atlantic
Apresentado no Salão de Nova York, o Fisker Atlantic respondeu perfeitamente à principal ambição da marca californiana: produzir um carro elétrico de quatro portas. O modelo possui três opções de acabamento que vão desde uma mais esportiva até outra mais luxuosa, voltada para o público feminino. O superesportivo possui motor BMW 2.0 turbo a gasolina, associado ao motor elétrico. Juntos eles somam 300 cv de potência e permitem que o carro acelere de zero a 100 km/h em 6,5 segundos. Sua versão mais barata parte dos US$ 50 mil.

10- BMW i8 Concept
O modelo é um dos primeiros projetos da BMWi, uma divisão da marca alemã focada no desenvolvimento de produtos ecologicamente corretos. O i8 combina um propulsor elétrico com um motor à combustão que entrega 220 cv de potência. O conjunto proporciona uma cavalaria de 354 cv de potência, que o leva de zero a 100 km/h em cinco segundos e à máxima de 250 km/h. Apesar do desempenho, ele tem consumo de 33 km/l. O esportivo chegará ao Brasil em 2014, mas seu preço ainda não foi divulgado.

Você também pode se interessar por:
- Mostra em São Paulo facilita compra de imóveis em Portugal
- Nova academia VIP de São Paulo tem sala de maquiagem, vestiários individuais e mensalidade a partir de R$ 900


Leia tudo sobre: carrohíbridosecológicosuperesportivoFerrariBMW

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas