Golfe high-tech

Criado para revolucionar o transporte nas grandes cidades, o Segway agora invade os campos de golfe

Amadeo Gattieri, especial para o iG |

Divulgação
Segway X2 Golf: versão adaptada para uso em campos de golfe
Ele gerou uma expectativa enorme nas semanas que antecederam seu lançamento, em 2001. Diziam que iria revolucionar o transporte nas grandes cidades, mas quando foi revelado, o Segway mostrou ter autonomia limitada frente a seu alto custo.

É certo que não se vai trocar o carro ou a moto por ele, mas o Segway pode servir muito bem nos momentos de lazer. Essa é a proposta do X2 Golf, a nova versão da máquina, especialmente pensada para substituir o tradicional carrinho de golfe .


Confira cinco objetos de desejo do golfista.

O veículo tem suporte para os tacos, compartimentos para guardar bolinhas e uma prancheta com a pontuação do jogo . Mais ágil do que um carrinho de golfe tradicional, ele também pode andar em qualquer parte do campo sem danificar a grama, uma vez que pesa apenas 54 kg e vem com pneus especiais.

Como qualquer outro Segway, o X2 é muito fácil de controlar: basta inclinar o corpo na direção desejada para movimentar o aparelho, que alcança 20 km/h e tem freios automáticos acionados caso o piloto perca o equilíbrio.

O X2 cabe no porta-malas do carro e também pode ser acondicionado numa maleta especial, o que permite transportá-lo como carga em viagens aéreas. Movido por bateria recarregável, tem autonomia de 22 km, o suficiente para percorrer 36 buracos num campo de golfe.

O Segway é vendido a R$ 34.405.


Serviço:
Segway X2 Golf


    Leia tudo sobre: golfsegwayx2tacogolfe

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG