Um giro pelas lojas do novo JK Iguatemi

Confira uma galeria com imagens das lojas que estarão no novo shopping de luxo do Brasil, com inauguração marcada para esta sexta

Juliana Mariz, especial para o iG |

Divulgação
Novo shopping JK Iguatemi, em São Paulo
Sessenta e quatro dias após a última data prevista para a inauguração, finalmente o shopping JK Iguatemi, em São Paulo, estoura a champanhe e abre suas portas para o público nesta sexta-feira (22) às 15 horas. Com mais de um ano de atraso e um entrave junto ao Ministério Público, que proibiu o início das atividades sem que fossem feitas as obras de minimização dos impactos no trânsito da região, acertadas desde o projeto, enfim as 188 lojas e restaurantes do complexo comercial poderão funcionar.

Leia também:
O novo mapa do luxo em São Paulo

Com investimento de R$ 322,3 milhões, o shopping terá ainda uma galeria de 24 metros de largura e um átrio de 16 metros, espaço para nove salas de cinema premium e um centro gastronômico completo. O projeto arquitetônico e de interiores é assinado pelos escritórios Arquitectonica e Carbondale, respectivamente.

O empreendimento é marcado por operações inéditas de grifes internacionaiscomo Goyard, Lanvin, Miu Miu, Yves Saint Laurent, Topshop, Sephora, Tory Burch, Paula Cahen D’Anvers, Panerai, Van Cleef & Arpels, Etiqueta Negra e Nicole Miller. O JK também quer agregar bandeiras gastronômicas inéditas em shopping, como os restaurantes Lá da Venda, Tre Bicchieri, Serafina, Varanda; a doceria francesa Ladureé e a sorveteria Baccio de Lattee.

Confira na galeria croquis e imagens das lojas. 

O projeto da loja de 91 m² da Lanvin no Brasil segue o conceito das demais lojas do mundo, com piso de madeira e móveis de ferro. Foto: ReproduçãoA loja de 85 m² da Jaeger-LeCoultre trará design art déco com madeira, couro, mármore e aço, pontuados pelo quartzito, trazido especialmente da Índia. Foto: DivulgaçãoA Topshop também deverá seguir o mesmo molde das demais lojas da rede, com grande valorização das vitrines . Foto: DivulgaçãoA dinamarquesa Bang & Olufsen terá espaço de 84 m² projetado por Erik Sorensen, que assina todas as lojas da marca no mundo. Foto: DivulgaçãoApelidada Zapälla 2.0, a unidade de 40 m² no JK Iguatemi conta com projeto da Di Pace & Di Pace Arquitetura. Foto: DivulgaçãoA grife brasileira de jeansweare John John tem loja de 204 m² desenhada pela arquiteta Fernanda Marques. Foto: DivulgaçãoCom projeto da arquiteta Fernanda Marques, a loja da grife brasileira Bo.Bô terá 78,60 m² . Foto: DivulgaçãoA loja no JK segue o mesmo conceito internacional das maisons Goyard, dando a elementos do passado um olhar autêntico e elegante . Foto: DivulgaçãoA Le Lis Blanc tambem terá loja no JK, com espaço para as linhas femininas, casa e infantil. Foto: DivulgaçãoA primeira loja brasileira da Zara Home seguirá o padrão das demais unidades pelo mundo. Espera-se ver as coleções de cama, mesa, banho, cozinha e decoração também aqui. Foto: DivulgaçãoA loja de Tory Burch terá decoração semelhante à das outras unidades da marca, com cortinas de seda, sofás de veludo e iPads disponíveis para os clientes. Foto: DivulgaçãoA primeira loja da Sephora no Brasil seguirá o mesmo layout adotados nas demais lojas da reda, com forte presença do branco e preto. Foto: DivulgaçãoCom 84 m², a Officine Panerai tem estilo clássico italiano, com vidro, madeira e aço. Um relógio de parede reproduz em grande escala a estrutura sanduíche do mostrador. Foto: DivulgaçãoA quantidade de brasileiros na loja de Nicole Miller em NY motivou a abertura de uma filial aqui. O espaço em tons neutros destaca os vestidos de Techno metal. Foto: DivulgaçãoUm grande e convidativo camarim para a clientela se sentir à vontade fez a fama da M.A.C no Brasil e no mundo. No JK Iguatemi não será diferente. Foto: DivulgaçãoO arquiteto Eric Carlson, do escritório CarbonDale, é responsável pela loja Longchamp. Madeira e branco convidarão os consumidores a entrar. Foto: DivulgaçãoA Lacoste L!ve, terá 88 m² e decoração descontraída com araras que giram, adesivos que remetem a uma quadra esportiva, equipamentos eletrônicos e mesa de pebolim. Foto: DivulgaçãoA loja da marca de relógios IWC no JK terá todas as coleções e edições especiais. A novidade é a linha Top Gun, recém-lançada. Foto: DivulgaçãoA primeira Gucci masculina nas Américas terá decoração nos mesmos padrões da marca em todos os seus endereços. Foto: DivulgaçãoO designer italiano vai abrir uma loja conceito de 46 m². O espaço foi projetado pelo arquiteto Felipe Hess que privilegiou nichos brancos em um espaço todo preto. Foto: DivulgaçãoA Vans justifica o conceito de shopping high-low defendido pelos empreendedores do JK. A primeira loja no País tem projeto despojado, com muita madeira e fotos de skate. Foto: DivulgaçãoDepois de abrir no shopping Morumbi, a Coach desembarca no JK com uma loja nos mesmos moldes das demais. A ideia foi trazer um pouco do Soho nova-iorquino. Foto: DivulgaçãoCriado por Arthur Casas, o projeto da loja Zeferino tem como objetivo fazer que o cliente passeie por seu interior, corredores e rampa de acesso com tranquilidade. Foto: Divulgação


Durante as obras, ouvia-se nos corredores uma trilha que misturava dialetos: operários brasileiros tentavam se entender com os emissários enviados pelas grifes internacionais. “As marcas de luxo estão cada vez mais presentes no Brasil, mas, na minha opinião, não é somente o segmento de moda que se desenvolve. 

Com a Copa do Mundo em 2014 e as Olimpíadas em 2016, todos os olhos estão voltados para o País nesse momento, e eu acredito que continuará prosperando”, afirma Frida Giannini, diretora criativa da Gucci, que abrirá no JK sua quarta loja no Brasil, mas a primeira exclusivamente masculina nas Américas. Entre os diferenciais, terá um espaço reservado para o serviço exclusivo de personalização “Made to Measure”.

Mais:
Outlets de luxo da Europa viram parada obrigatória de brasileiros

Divulgação
A decoração da segunda loja Prada no Brasil é assinada por Roberto Baciocchi
Desde que foi lançado, o empreendimento ficou conhecido como o espaço para marcas estrangeiras fincarem os pés por aqui. Importância tamanha que justificou até mesmo o prévio agendamento de uma reunião mundial da Burberry no local, com a presença do diretor criativo da marca Christopher Bailey. Mas infelizmente o evento teve de ser transferido devido ao atraso na abertura do shopping.

Se as lojas internacionais querem surpreender pelo ineditismo ou para consolidar a presença no País, as nacionais não ficam para trás e buscam aprimorar seus espaços com projetos arquitetônicos originais. Os consumidores poderão se deliciar com as novidades em roupas, sapatos, cosméticos, bolsas, acessórios, mas também com projetos de interiores criativos e elegantes.

Leia também:
-
Louboutin aposta nas tachas em nova coleção de bolsas
-
Linha noiva de Oscar de la Renta desembarca no Brasil


Acompanhe as novidades do iG Luxo também pelo Twitter

 

 

Leia tudo sobre: iguatemi JKmiu miulanvintopshoptory burchpaneraivan cleefyeves laint laurent

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG